11 de novembro de 2011

A cobrança pela beleza

Toda mulher, de um jeito ou de outro sabe o que é a cobrança da beleza. Seguir o padrão imposto pela sociedade não é fácil. A situação piora um pouco quando se é uma celebridade. Quem nunca recebeu um e-mail de antes e depois de estrelas do showbusiness, com fotos das pobres criaturas "destruídas" no dia a dia, sem maquiagem e com o cabelo detonado?

Outro dia a belíssima Olívia Wilde foi a mais um evento com red carpet. Sempre linda com seu rosto perfeito, Olívia desfila elegantes e sensuais modelos em todos os red carpets que marca presença.



E não é que os papparazzi pegaram o detalhe das unhas do pé da moça que estavam sem fazer? E aí, enxurrada de críticas em cima da atriz, eu mesma li em dois lugares pessoas criticando a atitude da moça de ir a um evento sem fazer as unhas.




Outra que é alvo constante da mídia é Madonna. Pouco importa se a mulher é uma estrela que se mantem no topo com música de qualidade há mais de trinta anos; pouco importa os inúmeros prêmios que ela conquistou e seu poder de influenciar gerações na música pop. O que realmente importa para certas pessoas é dizer que Madonna está velha, acabada, com o corpo musculoso e com as veias saltando. As críticas são impiedosamente cruéis.



E o que dizer de Kate Middleton? Se a bela fosse ler todas as críticas que escrevem a seu respeito, talvez concluísse que seria melhor se esconder em seu palácio e não sair nunca mais. Para os críticos, ela não somente emagreceu; está anoréxica e mais parece um esqueleto ambulante. A pobre duquesa viu-se obrigada a começar a petiscar doces para tentar ganhar alguns quilinhos e se livrar do estigma que lhe impuseram as bocas maldosas. 





Sua maquiagem já foi condenada e o lápis em seus olhos é considerado totalmente exagerado, dizem  até que é vulgar. O cabelo solto não condiz com o que se espera de uma futura rainha e deveria ser preso em coque, dizem as línguas venenosas. Falam inclusive que, apesar de ser vestir bonitinha, ela está longe de ser um ícone de estilo e que seus trajes precisam ser bem mais glamourosos e não roupinhas adquiridas em liquidações.



Fotos: justjared.com, ukate.net, content.usatoday.com, ooho.co, fierth.com
 
 
Felizmente, para cada comentário maldoso dos que a críticam, Kate recebe em troca centenas de elogios de seus fãs. 
 
Mas, e nós mulheres comuns, que vivemos quase anonimamente, também nós não recebemos a cobrança da sociedade? É preciso ser magra, pois qualquer engordadinha, qualquer pneuzinho que surge é o fim do mundo. Os cabelos precisam estar bem pintados, bem penteados, senão dizem que está um bagaço; a pele precisa ser completamente sem rugas até os 80 anos de idade (como se isso fosse possível). A cobrança vem dos parentes, das amigas, do marido... A sociedade espera que nós mulheres estejamos sempre no nosso auge, como se fossemos eternas top models em uma sessão de fotos.
 
Penso que todo comentário que tenha intenção construtiva é válido. Não me importo de receber um toque, acho bom inclusive. Porém, o que eu, você, todas nós devemos ter é serenidade diante das críticas, separar o que é válido e útil, descartar e ignorar o que é venenoso e destrutivo e não deixar a neura tomar conta.

Afinal, todas queremos ser divas; mas também merecemos um dia de jeans surrado, camisetinha velha, rabo de cavalo e cara lavada!




10 comentários:

  1. Uauuu que post perfeitooo, Kate!Muitíssimo verdade, somos bombardeadas de cobranças e estou conseguindo perceber essa cobrança toda com a chegada do meu casamento... Comentários do tipo "Cuidado com o peso, hein? Senão não vai caber no vestido"; "Xii, vai casar? Olha que casar engorda"... Entre tantos outros, mas o que a maioria das pessoas não sabem é que não estou nem aí se vou ficar ou estar gorda antes ou depois do casamento o importante é se eu vou ou estar feliz antes e depois do casamento!

    #Desabafei! rsrs

    Beijos :)

    ResponderExcluir
  2. Oi Kate...

    é verdade, daqui a pouco nós mulheres vamos nos trasformar em estátuas de cera, impecáveis, que não se move, que não tem expressões. A sociedade é muito cruel , e a mídia faz com que isso fique cada dia pior´, vendem imagens que não são reais. Tem um trecho de uma música (Charlie Brown Jr.) que resume bem isso
    "As flores são bonitas em qualqur lugar do mundo muita gente tem forma mais não tem conteúdo".
    Adoro o seu blog, fiz uma postagem referente a sua matéria anterior e amei vc ter respondido!!!

    bjinhos
    Andressa

    ResponderExcluir
  3. Pois é, Mayana, eu tb sofro com estas cobranças!

    Andressinha, antes eu pensava que tinha de reponder um comentário no blog da pessoa, não costumo deixar de responder; mas hj penso que o caminho é responder por aqui, muito melhor e prático, não? Esta frase da música resume bem mesmo!

    ResponderExcluir
  4. Oi amiga... a cobrança em cima da mulherada é forte mesmo! Com a idade (não sou tão velha assim ok.. só tenho 31 anos) aprendi a filtrar o que é bom para mim... o resto entra por um lado do ouvido e sai pelo outro! O que importa é eu estar feliz comigo mesma! bjos e bom feriado prolongado

    ResponderExcluir
  5. Adorei o post!!! Nossa sofro muito com isso...
    Logo que casei quando ia visitar os meus pais eu ia com roupas simples, como se ainda morasse lá... pra que... encontrava algum parente e eles me davam "dicas" para não relaxar e perder o marido... (agora quando eu vou eu me arrumo e me sinto muito artificial de ter que me produzir para ir num lugar onde eu gostaria de ficar a vontade)...

    Também depois de casada até eu me adaptar com a nova rotina (casa, comida, mercado, marido etc) eu fui deixando um pouco de lado a unha impecável, cabelo sempre escovado etc e novamente fui alvo de críticas, mas é difícil trabalhar o dia todo, chegar em casa cuidar de tudo e depois ficar escovando o cabelo....rs!

    E por último as calorias... realmente casei e engordei... e odeio quando perguntam se estou grávida, quando solteira já cheguei a esse peso atual muitas vezes, mas só pque estou casada a gordurinha é "filho"...

    Enfim, a cobrança é demais... espero e penso muito para ter filho, pois é difícil ser perfeita em tudo... se destacar no trabalho, ter a casa mais arrumada do mundo, fazer comidinha fresca todo dia, ter corpo, cabelo perfeito, toda bem arrumada, sair com amigas e ser a melhor esposa do mundo... nossa cansei só de pensar em tuuuudo que somos cobradas...

    Beijos adoro seu blog!!!

    ResponderExcluir
  6. Tá rolando um sorteio no meu blog de um clutch muito linda, passa lá e participa!
    http://esemeudivafalasse.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Rssss, é isto mesmo, meninas! Impossível andar como uma modelo todo dia, mas é o que a sociedade deseja de nós! Ahhh, e sobre ter filhos, já estou escrevendo o meu artigo, tem um bom tempo que quero falar sobre isso. Em breve...

    Pena que a anônima não escreveu o nome, falou muita coisa que nós mulheres vivenciamos atualmente!

    ResponderExcluir
  8. Jean Malard15/11/2011 21:47

    Eu cobro mesmo rsrsrsrsrs...
    Te amo!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  9. Amei o post...tem dias que quero ser diva e outros gata borralheira, e daí?
    Bj,
    Marcela.

    ResponderExcluir